Total de visualizações de página

PESSOAS QUE GOSTAM DESTE SITE

31 março 2013

LIÇÃO 1 – FAMÍLIA, CRIAÇÃO DE DEUS




LIÇÃO 1 – FAMÍLIA, CRIAÇÃO DE DEUS


TEXTO ÁUREO
“E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele" (Gn  2.18).


VERDADE PRÁTICA
A família é uma instituição divina. Ela é a base da vida social.


INTRODUÇÃO
A família é a mais importante instituição criada por Deus para a sociedade. Neste trimestre teremos a oportunidade ímpar de tratar de alguns temas que são extremamente relevantes para que tenhamos uma vida familiar bem-sucedida. Nesta primeira lição estudaremos a instituição da família no plano divino, bem como a sua constituição ao longo dos anos. Veremos também as consequências da Queda na vida familiar.




I - A FAMÍLIA NO PLANO DIVINO

1. O propósito de Deus. Deus criou a família com desígnios sublimes. O Criador não fez o ser humano para viver na solidão. Quando acabou de formar o homem, o Senhor disse: "Não é bom que o homem esteja só. Far-lhe-ei uma adjutora, que esteja como diante dele" (Gn 2.18). Este texto bíblico nos mostra o primeiro objetivo de Deus ao criar a família. Fica evidente que a célula mater da sociedade foi criada a partir da necessidade humana de ter companhia. O propósito divino era estabelecer uma instituição que pudesse propiciar ao ser humano abrigo e relacionamento. Atualmente temos visto e vivido um tempo de escassez na área dos relacionamentos. Estamos ficando cada vez mais superficiais, frios e distantes uns dos outros. Por se multiplicar a iniquidade o amor está esfriando (Mt 24.12) “E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos se esfriará”. Por isso precisamos investir em nosso relacionamento familiar. Podemos dizer que o segundo propósito divino para a criação da família foi fazer dela um núcleo pelo qual as bênçãos do Senhor seriam espalhadas sobre toda a Terra (Gn 1.28) “E Deus os abençoou e Deus lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra”.

2. Um lugar de proteção e sustento. Um Deus perfeito preparou um lugar excelente para receber a primeira família. O Jardim do Éden era um local especial de acolhimento, proteção e provisão. Adão e Eva tinham tudo de que precisavam para usufruir de uma vida saudável e feliz (Gn 1.29) “E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda erva que dá semente e que está sobre a face de toda a terra e toda árvore em que há fruto de árvore que dá semente; ser-vos-ão para mantimento”. Eles desfrutavam da companhia de Deus e nada lhes faltava. O propósito do Senhor era que cada família tivesse os recursos suficientes para sua subsistência, pois a escassez e as privações trazem conflitos para as famílias. Porém, com a ajuda do Pai Celeste estes conflitos podem ser sanados, pois o Senhor é o nosso bom Pastor (Sl 23) “O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará. Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilas. Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam. Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice trasborda. Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do SENHOR por longos dias”. Deus deseja que cada família tenha a sua provisão diária (Mt 6.11) “O pão nosso de cada dia dá-nos hoje”. E da mesma forma que Adão tinha a responsabilidade de cuidar do jardim (Gn 2.8) “E plantou o SENHOR Deus um jardim no Éden, da banda do Oriente, e pôs ali o homem que tinha formado”, Deus deu a você a responsabilidade de zelar por sua família.
 
3. A primeira família. Deus formou Adão do pó da terra (Gn 2.7) “E formou o SENHOR Deus o homem do pó da terra e soprou em seus narizes o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente”. Vendo que o homem não poderia viver sozinho, retirou uma costela de Adão e criou Eva, sua companheira (Gn 2.22) “E da costela que o SENHOR Deus tomou do homem formou uma mulher; e trouxe-a a Adão”. Isto mostra que diante do Todo-Poderoso homem e mulher são iguais na sua essência. Ambos vieram do pó da terra e um dia ao pó tornarão. Após criar a mulher o Senhor ordenou o casamento, estabelecendo então a mais importante instituição de uma sociedade: a família (Gn 2.24) “E da costela que o SENHOR Deus tomou do homem formou uma mulher; e trouxe-a a Adão”.







II - A QUEDA E AS SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA A FAMÍLIA

1. O ataque do Inimigo. Satanás levou a mulher a desobedecer à voz de Deus. talvez, de modo suave e envolvente, ele tenha falado: "É assim que disse  Deus: Não  comereis de  toda a árvore do jardim?"  (Gn  3.1) “Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?”. Eva confirmou a ordem do Senhor (Gn 3.2,3) “E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, mas, do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais”, mas cedeu à tentação do Maligno. Este a iludiu, seduziu e a fez  cair no  pecado da  desobediência (Gn 3.4,5) “Então, a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. Porque Deus sabe que, no dia em que dele comerdes, se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal”, e Adão seguiu pelo mesmo caminho. O casal poderia ter recusado a sugestão do Diabo, mas não o fizeram, e depois de pecarem, caíram na condenação divina.
Isso nos mostra que a família, desde a sua instituição, foi alvo dos ataques do Inimigo. Satanás fez de tudo para que o propósito de Deus para as famílias fosse destruído. Porém, Deus é soberano e Senhor, e seus propósitos jamais serão frustrados (Jó 42.2) “Bem sei eu que tudo podes, e nenhum dos teus pensamentos pode ser impedido”. Da semente da mulher nasceria o Messias, aquEle que esmagaria Satanás (Gn 3.15) “E porei inimizade entre ti e a mulher e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar”. O propósito do Inimigo é matar, roubar e destruir, mas Jesus veio ao mundo para destruir os intentos do Maligno (Jo 10.10) “O ladrão não vem senão a roubar, a matar e a destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham com abundância”.

2. Os resultados da Queda no relacionamento familiar. Qual é a origem dos males que atacam a família? O pecado. A vida familiar de Adão e Eva era perfeita, porém o pecado trouxe a disfunção para o seio da família. Depois da Queda podemos ver sentimentos como o medo, a culpa e a vergonha, perturbando a convivência do casal (Gn 3.8-12) “E ouviram a voz do SENHOR Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e escondeu-se Adão e sua mulher da presença do SENHOR Deus, entre as árvores do jardim. E chamou o SENHOR Deus a Adão e disse-lhe: Onde estás? E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me. E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses? Então, disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi”. O pecado sempre faz o relacionamento familiar adoecer. Há muitos lares doentes, onde a família deixou há muito tempo de ser um  local de acolhimento, proteção e cuidado devido aos pecados não confessados e  não abandonados. Essas transgressões causam culpa e separam as famílias da comunhão com Deus.

3. A vida familiar depois da Queda. O pecado de um único homem trouxe consequências terríveis para toda a humanidade. Depois da Queda a vida familiar já não seria mais a mesma. A mulher teria filhos com muita dor (Gn 3.16) “à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor e a tua conceição; com dor terás filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará”, e o seu desejo, ou seja, sua vontade estaria submetida à vontade de seu marido. Adão deveria comer agora seu pão diário com dores, pois o trabalho de arar a terra para ter sua subsistência garantida seria bem difícil (Gn 3.17) “E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida”. A terra também foi afetada pelo pecado, produzindo espinhos e cardos (Gn 3.18) “Espinhos e cardos também te produzirá; e comerás a erva do campo”. A morte física também é uma consequência da transgressão do homem (Gn 3.19) “No suor do teu rosto, comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado, porquanto és pó e em pó te tornarás”. Deus ama o pecador, mas não tolera o pecado. Como punição pela desobediência, Adão e Eva, foram expulsos do Jardim do Éden (Gn 3.20-24) “E chamou Adão o nome de sua mulher Eva, porquanto ela era a mãe de todos os viventes. E fez o SENHOR Deus a Adão e a sua mulher túnicas de peles e os vestiu. Então, disse o SENHOR Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, pois, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma, e viva eternamente, o SENHOR Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra, de que fora tomado. E, havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida”. A vida no Jardim, antes da Queda pode ser comparada à vida eterna que um dia desfrutaremos no céu. Tudo era bom, pois foi tudo pensado, planejado e criado por um Deus que preza pela excelência. Se tivessem permanecido na obediência, Adão e Eva teriam sido felizes para todo o sempre. Todavia, Jesus Cristo veio ao mundo para resgatar as famílias da maldição do pecado. Cristo se fez pecado por nós, e na cruz levou as nossas iniquidades sobre si (Is 53.4) “Verdadeiramente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputamos por aflito, ferido de Deus e oprimido”. Isso nos mostra o quanto Deus deseja abençoar nossas famílias.






III - A CONSTITUIÇÃO FAMILIAR AO LONGO DOS SÉCULOS

1. Família patriarcal. O modelo familiar com o passar dos tempos está sujeito a mudanças. Já tivemos a família patriarcal, monogâmica, consanguínea, etc, todavia isso não altera o valor, a importância da família. A família patriarcal é um exemplo familiar onde é permitido ao homem ter diversas esposas. Este modelo é visto em todo Antigo testamento, mas não era o molde determinado pelo Senhor. Deus o tolerou, porém esta nunca foi a sua vontade. No modelo de família patriarcal o pai (pater) era visto como o senhor da casa e da família. As esposas e os filhos não tinham liberdade de escolha, pois a palavra final era sempre do patriarca.

2. A família nuclear (monogâmica). Este foi o modelo idealizado pelo Senhor: Um homem e uma mulher, unidos pelo matrimônio. A poligamia vai contra o princípio divino do marido e da esposa ser uma só carne (Gn 2.24) “Portanto, deixará o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma Carne” (Mt 19.5) “e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe e se unirá à sua mulher, e serão dois numa só carne?”

3. A família na atualidade. A família está inserida dentro de um contexto social, e portanto, sujeita a mudanças. Porém, os princípios divinos para as famílias são eternos e imutáveis (Mt 24.35) “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar”. Os inimigos e desafios enfrentados pelas famílias na atualidade são muitos, todavia queremos destacar apenas os espirituais. Vejamos os principais inimigos da família na atualidade:

a) A carne. Aqui, referimo-nos à "carne" como a natureza carnal que se opõe ao Espírito Santo e volta-se para tudo o que é contrário à vontade de Deus. Sabemos que há uma luta constante entre essas duas naturezas: a carnal e a espiritual. O apóstolo Paulo experimentou tal luta (Rm 7.15-24) “Porque o que faço, não o aprovo, pois o que quero, isso não faço; mas o que aborreço, isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. De maneira que, agora, já não sou eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e, com efeito, o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem. Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse faço. Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim. Acho, então, esta lei em mim: que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo. Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus. Mas vejo nos meus membros outra lei que batalha contra a lei do meu entendimento e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. Miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte?” Ela é tão intensa, que pode nos fazer pensar que não há como sair vencedor (Rm 7.24) “Miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte?” Mas  Deus, em  Cristo Jesus, nos dá  a solução. Ele nos livra "do pecado e da morte" (Rm 8.1,2) “Portanto, agora, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o espírito. Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte”. O apóstolo Paulo nos adverte: "Andai em Espírito e não cumprireis a concupiscência da carne" (Gl 5.16). A família cristã precisa, na direção do Espírito, combater a natureza carnal. Assim, evitará o adultério, os vícios e todas as mazelas que visam destruí-la.


b) O mundo. Diz-nos o apóstolo do amor: "Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele" (1 Jo 2.15). Quanto a este ponto não há meio-termo: ou amamos a Deus ou amamos o mundo. Não há a mínima possibilidade de servimos a dois senhores (Mt 6.24) “Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom”. Saiba, pois, que existe vitória para quem escolher amar a Deus. E Ele dará vitória à nossa família a partir da fé que depositarmos nEle (1 Jo 5.4) “Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé”.

c) O Diabo. A Palavra de Deus nos ensina uma única forma de vencermos o Maligno: "Sujeitai-vos, pois, a Deus; resisti ao diabo, e ele fugirá de vós" (tg 4.7). Se a família sujeitar-se a Deus e resistir o Diabo, este fugirá, pois o segredo da nossa vitória contra Satanás começa com a nossa submissão a Deus, para que depois, sim, possamos resistir ao Diabo. E quando resistirmos ao adversário, não nos esqueçamos de usar a "armadura de Deus" (Ef 6.10-17) “No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo; porque não temos que lutar contra carne e sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes. Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça, e calçados os pés na preparação do evangelho da paz; tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus”, em especial, "o escudo da fé", com o qual poderemos "apagar todos os dardos inflamados do maligno" (Ef 6.16). A família cristã precisa verdadeiramente crer naquEle que a  criou e  usar a  sua Palavra para direcionar suas tomadas de decisões e sua vida espiritual.







CONCLUSÃO

Nunca a família foi tão desafiada pelas forças do mal como hoje. Porém, é na presença do Senhor que a família garantirá a vitória sobre os desafios da sociedade atual. Busquemos ao Senhor juntamente com toda a nossa casa.



_________________________

OBS: O tamanho original de cada slide é 28x19, para manter as proporções e qualidades dos slides sugerimos alterar o tamanho do seu slide no PowerPoint em “Design” e depois “Configurar página”.

Referência bibliográfica

Revista Lições Bíblicas. A FAMÍLIA CRISTÃ NO SÉCULO XXI, Protegendo seu lar dos ataques do inimigo. Lição 1 – Família, criação de Deus. Texto áureo. Verdade prática. Introdução. I – A família no plano divino. 1. O propósito de Deus. 2. Um lugar de proteção e sustento. 3. A primeira família. II – A queda e as suas consequências para a família. 1. O Ataque do Inimigo. 2. Os resultados da queda no relacionamento familiar. 3. A vida familiar depois da queda. III – A constituição familiar ao longo dos séculos. 1. Família patriarcal. 2. A família nuclear (monogâmica). 3. A família da atualidade. A) A carne. B) O mundo. C) O Diabo. Conclusão. Editora CPAD. Rio de Janeiro – RJ. 2° Trimestre de 2013.

Comente com o Facebook:

17 comentários:

  1. A paz a graça e a misericórdia de Deus seja com todos! Deus projetou e criou o homem e a mulher com a intenção de formarem a família. Homem, mulher e filhos, para que a criação de Deus se multiplica-se por si mesma na terra. Atualmente e como forte influência do inimigo de nossas almas vemos e vivemos a criação de novos conceitos de família; não aquela família instituída por Deus (Homem e Mulher) não devemos discriminar, criticar ou ofender os seres humanos que se desviam do caminho correto, antes devemos buscar mostrar-lhes e ensinar-lhes que Deus os ama e os deseja salvar, Deus é Justiça e Amor. A própria sociedade constituída cria e depois abandona as pessoas que não servem para o seu convívio social. Deus jamais abandona quem quer que seja em qualquer situação. Lutemos pela familia, que Deus abençoe a todos. Após 25 anos de casado e três filhos que Deus deu a mim e minha esposa só temos a agradecer o nosso Deus pela família que temos e incentivar a luta pela segurança da família, não deixemos que o inimigo de nossas almas destrua esta maravilhosa instituição de Deus. Amém!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pastor Julio Cesar Martins, a Paz do Senhor! Louvo a Deus pela sua vida e também de sua família! Parabéns pelo exemplo familiar que tens sido, mantendo-se unido e zelando por esta tão importante instituição que Deus deixou na terra! Desde o princípio o alvo de Satanás é a destruição e decadência da família, mas Deus ainda tem famílias que horam e louvam o seu nome. A todos desejo um excelente final de semana! Espero revê-los por aqui na próxima semana! Um grande abraço!

      Excluir
  2. A paz do Senhor !
    Obrigado por nos disponibilizar slides maravilhosos que nos auxiliam na ministração da palavra do Senhor .
    Que o Eterno Deus nos dê sabedoria dos céus diante das demandas familiares e estratégias acertadas para que nossos lares sejam um espaço de temor ao Senhor e respeito ao próximo .
    " Oh! Deus, me socorre nos desafios familiares e que este trimestre seja instigador para o fortalecimento da família em nossa sociedade ".
    Sempre orando por vós !
    Pr Milton Souza ( A.Deus , Barra Mansa -R.J ) .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Paz do Senhor pastor Milton Souza! Como é bom sempre contar com a vossa participação por aqui, Deus vos abençoe por serem bons companheiros nesse ministério! Realmente nós precisamos rogar a Deus que dê sabedoria aos seus líderes para trabalhar o fortalecimento da família na Igreja, pois a sociedade já não vê o casamento como uma grande e forte instituição, já há mais separações do que casamento, um sinal de que os valores da família estão aceito pela atual sociedade. Mas na igreja teremos a oportunidade de fortalecer de acordo com a Palavra de Deus as famílias cristãs. Deus assim abençoe a vossa vida e toda sua família! Desejo à todos em Barra Mansa - Rio de Janeiro um excelente final de semana! Um forte abraço!

      Excluir
  3. A PAZ DO SENHOR ISMAEL! MUITO OBRIGADO POR NO ÚLTIMO TRIMESTRE TER DISPONIBILIZADO MINHA AULA AI,AS AULAS DESSE TRIMESTRE JÁ ESTA DISPONÍVEL DESTE DOMINGO, SE O IRMÃO QUISER AINDA PODE DISPONIBILIZAR AI. FIQUE NA PAZ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Professor Fábio Segantin, a Paz do Senhor! É sempre uma honra publicar seus vídeos aqui no site, muito tem contribuido com o crescimento da Obra de Deus, tenho certeza disso! Continue firme nesse propósito! Deus continue abençoando o seu frutífero ministério! Um grande abraço!

      Excluir
  4. Amado irmão Ismael. Solicito correção nos "slides" acima que estão em seu rodapé não coincidindo com o início do texto.
    Exemplo(s):
    No rodapé 2. A primeira família.
    O correto é 3. A primeira família
    No rodapé 3. A Família na Atualidade a) O mundo.
    O correto é 3. A Família na Atualidade b) O mundo.
    No rodapé 3. A Família na Atualidade a) O Diabo.
    O correto é 3. A Família na Atualidade c) O Diabo.
    Certo de sua compreensão. Desejos muitas bênçãos a sua família.
    Sds em Cristo Jesus.
    Minha Família Lázaro, Joany e Josué

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Professor Lázaro, a Paz do Senhor! Muito obrigado pela sua contribuição! O senhor está corretíssimo, por um descuido ficou repetido a letra, mas como não prejudica a interpretação do slide nem do conteúdo um vez que o conteúdo a que se faz referência o slide fica sempre logo abaixo. Resolvi não fazer essa pequena alteração porque cada vez que republicamos uma postagem ela perde muitas classificações nas pesquisas do google, esta semana eu já tinha perdido várias classificações no google ao republicar os vídeos, por isso não realizei as alterações. Mas desde já agradeço a sua importante observação, peço que continue nos ajudando a manter um padrão de qualidade desse trabalho, quanto mais no início da semana detectarmos algum erro é será mais fácil para corrigirmos. Mais uma vez agradeço a sua contribuição! Um grande abraço para senhor, Joany e Josué! Deus conserve a vossa família debaixo de muitas bênçãos! Um forte abraço!

      Excluir
  5. Muito bom !!!
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. A paz de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, seja com todos! Toda a honra e toda a glória seja a Deus pela vida e pela proteção das famílias...

    ResponderExcluir
  7. MUITO BOM,QUE DEUS ABENÇOE A TI,O TEU MINISTERIO E FAMILIA!!!!. A FAMILIA É A BASE DE TUDO!!!.

    ResponderExcluir
  8. Que a graça e a paz do Senhor seja sobre todos. Agradeço a Deus por esta oportunidade que tive em ler lindas mensagem nesta página. Fiquei maravilhada!

    ResponderExcluir
  9. as aulas, as figuras, tudo é simplesmente maravilhoso!!!!!.Very good!!!.Todas as aulas sao bem elaboradas tenho curiosidade de saber como fazes isto. e sera que eu poderia contribuir de alguma forma para ajudar???.eu gostaria de ser co-participante de voces!!!!.
    Deus abençoe sua família meu amigo! Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Estou amando estudar a palavra de Deus!!

    ResponderExcluir
  11. porque que a cpad sò divulga venda de livros e não a palavra de Deus? não à nada

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação! Volte sempre!